Leigos missionários do PIME promoveram animação missionária

por André Guerra, missionário leigo ALP

   animação missionária   

2-3 Novembro, Jardim Pedreira (SP) – Uma família italiana da Associação leigos PIME (ALP); Chiara (33 anos), André (35 anos) e Matilde (1 ano), mora e trabalha na periferia da zona sul de São Paulo, organizou um evento missionário na Paróquia Nossa Senhora Aparecida na Diocese de Santo Amaro para encerrar o mês missionário extraordinário.

Durante o final de semana, Houve uma exposição fotográfica sobre as missões nos cinco continentes do mundo, a mostra permaneceu exposta por todo o fim de semana no patio da paroquia e foi visitada pelo povo. Também estavam a disposição materiais; revistas e livros de cunho missionário pela Editora Mundo e Missão.

Sábado à tarde, padre Ace Valdez, missionário do PIME, encontrou as crianças da catequese falando dos missionários que trabalham além-fronteiras, fora do Brasil, particularmente na Asia e na Africa.

Domingo a tarde, houve uma palestra feita pela Chiara e pelo Andrea sobre o tema do mês missionário extraordinário convocado pelo Papa Francisco: “Batizados e enviados, a Igreja de Cristo em missão no mundo”. “Todos nós, como somos batizados, somos também enviados pelo mundo inteiro para falar de Jesus”, anunciaram Chiara e Andrea, contando a história da vocação deles, a importância do papel dos leigos em missão e como eles se prepararam para viver esta experiência missionária no Brasil.

Em seguida, houve a celebração da santa missa, presidida pelo padre Pedro Facci, superior regional do PIME no Brasil, e concelebrada pelo padre Gianfranco Vianello, missionário do PIME. A paroquia Nossa Senhora Aparecida foi fundada pelos padre do Pime 50 anos atrás. “É por isso que ainda hoje é importante lembrar que ser missionários é um compromisso de toda a Igreja”, destacou padre Pedro Facci na sua homilia.

Chiara, André e Matilde chegaram no Brasil em Março desse ano para trabalhar como voluntarios com uma Ong paulistana que gerencia centros para as crianças e adolescentes nas regiões de Parelheiros e Grajaú, e também para ajudar os padres do PIME na animação missionária.

Adicionar comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos requeridos são marcados com *