Jornal - "MISSÃO JOVEM"

Espiritualidade

Obrigado, Senhor!

Celebração de Ação de Graças para
Grupos e Comunidades.

Ambiente:

- Acolher a todos e criar um clima de gratidão e valorização da vida de cada um dos presentes.
- Símbolos que expressem gratidão. Frases ou cartazes que lembrem conquistas ou fatos pelos quais queremos agradecer.

Animador: A gratidão é uma das mais nobres virtudes do ser humano. Hoje, de modo especial, vamos dedicar um tempo para agradecer a Deus e às pessoas pelos passos que nos ajudaram a dar (dados) na construção de(a) nossa felicidade e na caminhada de (a) nossa comunidade ou grupo.

Canto: Em nome do Pai...

Leitor 1: A Bíblia nos conta que, já bem antes de Cristo, as pessoas se (de) reuniam para agradecerem a Deus.

Para isso, escolhiam os melhores frutos e as melhores sementes colhidas. Uma parte era oferecida a Deus e a outra era servida aos presentes e repartida entre os pobres.

Leitor 2: Vamos juntar nossa fé e nossas vozes para juntos celebrarmos nossa ação de graças pela vida vivida, reafirmar nosso sonho por um milênio de paz e celebrar os sinais do Reino de Deus já presentes em nosso meio.

Todos: Senhor, obrigado pela vida que nos deste e pela tua constante presença em nossa caminhada.

Animador: Mas vamos refletir um pouco:

O que é render graças a Deus? Será que temos o costume de faze-lo sempre em nossa vida? Vamos escutar atentamente as grandes motivações que nos levam a agradecer.

Leitor 1: Render Graças é dizer muito obrigado ao bom Deus que nos deu a vida e que sempre caminha com conosco.

Refrão: Entoai ação de graças e cantai um canto novo, aclamai a Deus Javé, aclamai com amor e fé.

Leitor 2: Render Graças é reconhecer que tudo o que existe foi criado para todos e para a utilidade de todas as pessoas.

Leitor 3: Render Graças é participar na construção de uma sociedade, justa e fraterna, onde todos tenham voz e vez.

Leitor 4: Render Graças é manifestar alegria pelos dons recebidos, é assumir atitudes de generosidade e doação frente aos necessitados.

PERDÃO

Animador: Vamos, então, pedir perdão a Deus pelas vezes que não fomos agradecidos ou não valorizamos suficientemente o que recebemos de Deus.

(Usar símbolos para os pedidos de perdão: galho seco, vela apagada, água suja)

Leitor 1: Pelas vezes que nos assemelhamos a este galho seco, sem vida, dizendo palavras que destroem, excluindo o outro, sujando a natureza, poluindo o ar, pedimos...

Todos: Perdão, Senhor! (ou cantar um refrão de perdão)

Leitor 2: Pelas vezes que deixamos de ser luz para o outro e criamos discórdia e ódio, pedimos...

Leitor 3: Pelas vezes que deixamos o orgulho e o egoísmo sujar nossa vida, deixando de ser pessoas generosas e agradecidas, pedimos...

Momento de silêncio

A PALAVRA DE DEUS

Animador: O próprio Jesus questiona o comportamento de quem não é agradecido. Depois do canto de aclamação, vamos acompanhar com atenção o que nos diz o Evangelho de Lucas.

Canto de aclamação:

Leitor: Lucas 17, 11-19

Animador: Os curados não pensaram em mais nada, a não ser na imensa alegria de estarem curados e restituídos ao convívio da sociedade. Somente um, e por sinal samaritano (estrangeiro), lembrou-se de algo muito importante: o agradecimento. Ele voltou. Chegou perto de Jesus, pôs-se de joelhos e, inclinando o rosto até o chão, agradeceu ao Mestre. Jesus acolheu com satisfação esse gesto tão bonito.

Breve silêncio

Animador: Fiquemos também nós de joelhos e inclinemos nossa cabeça. Cada um reze e agradeça a Deus por tudo que ele é e recebeu em mais este ano de vida e de realizações

Momento de silêncio com fundo musical

PARTILHA

Animador: Neste momento, vamos partilhar a nossa caminhada realizada. O que mais marcou neste ano nossa vida? De que mais temos que agradecer a Deus e aos que nos rodeiam?

Depois de cada motivo de louvor, todos cantam o refrão: "Eu louvarei, eu louvarei, eu louvarei ao meu Senhor" (ou outro).

CONCLUSÃO

Animador: Nosso Deus é um Deus de bondade e ternura. Vamos pedir para que ele nos ensine a sermos mais agradecidos e esperançosos. Para isso, rezemos juntos o Pai Nosso de mãos dadas.

Pai Nosso

Animador: Colocando a mão direita sobre o ombro de quem está ao nosso lado, dizemos:

Todos: Ó Deus, nosso Pai, cremos que vossa mão carinhosamente nos acompanhou neste ano.

Tivemos sempre a experiência de contar com vossa misericórdia. Sentimos que sempre pudemos contar com vossa força na construção de uma nova sociedade.

Incontáveis são as provas de vosso amor e proteção. Por isso nós todos, a uma só voz, vos bendizemos.

Queremos contar sempre com a vossa ajuda e companhia. Dai-nos a graça da fidelidade e a força do testemunho. Amém.

Abraço da paz...

Canto Final: Senhor, eu quero te agradecer...

Visite as outras páginas

[P.I.M.E.] [MUNDO e MISSÃO] [MISSÃO JOVEM] [P.I.M.E. - Missio] [Noticias] [Seminários] [Animação] [Biblioteca] [Links]

Voltar